O dia em que a Inglaterra quase decolou

27 de julho de 1956.
Acidentes de avião já são bastante terríveis. Mas imagine um avião caindo sobre um depósito de armas nucleares!
Parece um roteiro catastrófico Hollywoodiano, mas foi realmente o que aconteceu.

Durante a Guerra Fria, os EUA mantinham bombardeiros de médio alcance próximos aos alvos na antiga URSS. Um dos locais de operação de aviões era a base de Lakenheath, no leste da ilha inglesa. Nesse dia, durante um treino de pouso e decolagem, um B-47, avião de médio porte, chocou-se contra um paiol que guardava 3 bombas atômicas do tipo Mark 6. Cada uma delas tem poder dez vezes maior do que a bomba de Hiroxima!

Os tripulantes da aeronave morreram na colisão e os bombeiros correram para tentar conter o incêndio,
conseguindo apagar o fogo antes que o calor fizesse as bombas detonarem.

Num telegrama "
top secret", o comandante da base afirma: "um milagre que nenhuma das bombas tenha explodido". Quando o relatório veio à tona em 1979, especialsitas estimaram o estrago: A detonação poderia destruir todo o leste da Inglaterra!



Adaptado de: Revista Mundo Estranho - ed.74, 2008. Editora Abril

Nenhum comentário: