As bombas atômicas perdidas

No mundo existem, no mínimo, duas bombas atômicas perdidas!

Durante a Guerra Fria, americanos e soviéticos sempre mantinham aviões carregados com ogivas nucleares no ar para alguma eventual "emergência".

Pelo menos duas dessas aeronaves americanas tiveram problemas.
Em 1961, um bombardeiro sobrevoava o estado americano da Carolina do Norte quando teve uma pane, pegou fogo e explodiu soltando duas bombas atômicas. Uma delas caiu sobre um campo aberto, a outra mergulhou 45 metros num pântano e nunca pôde ser removida.
Em 1968, outro avião com quatro bombas caiu na Groenlândia. Três delas foram achadas, mas até hoje não se sabe onde foi parar a quarta!

Agora imagine o que pode ter acontecido no lado soviético... Cuidado onde pisa!


Adaptado de: Revista Mundo Estranho. ed. 074 - abril 2008

Nenhum comentário: